transformers-4-age-of-extinction-skip

Depois de éons sem postar nada eu voltei e trouxe comigo uma crítica do novo filme da franquia Transformers.

Eu assisti o filme na estreia (17/07) aqui no Rio de Janeiro, e confesso que fiquei de certa forma surpresa com o filme.

A base do filme segue a linha dos anteriores, a terra corre perigo e os autoboots tem que salvar a terra de outros robôs alienígenas. Nesse longa não temos o Sam Witwicky (Shia LaBeouf), algo que deixou os fãs um pouco decepcionados depois da saída da personagem Mikaela Banes (Megan Fox), outros personagens que cativaram os fãs também não estão nessa novo filme da franquia. Pelo que eu pude observar nesse novo filme os únicos personagens que permaneceram foram os Transformers.

Sobre a história dessa sequência, após a guerra de Chicago (Transformers: O lado oculto da Lua) a CIA e um novo governo, digamos assim, decide acabar com a raça alienígena, a intenção era eliminar os Decepticons(pelo menos foi isso que eu entendi no inicio do filme), mas o homem que está a frente dessa operação tem uma parceria com uma nova ordem robos alienigenas e não quer nem saber quem é o que, ele quer elimina-los. Não vou me alongar muito aqui se não vou dar spoliers e deixar as pessoas com menos vontade ainda de ver o filme. Mas para fechar essa parte, alem disso tudo ainda há uma empresa tecnológica que desvenda o segredo da tecnologia dos Transformers e isso vai gerar uma treta maligna. Agora só vai restar a Cade Yeager (Wahlberg) que achou Optimus Prime quase morto no interior do Texas especificamente em um cinema abandonado, sua filha Tessa Yeager (Nicola Peltz) e Shane Dyson (Jack Reynor) que é o namorado dela se juntarem aos Autobots em uma batalha pela sobrevivência que os fará ir até Chicago e depois partir até a Ásia, aonde iram passam por Pequim e Hong Kong causando muita destruição tretas malignas.

Nesse filme além dos robôs alienígenas que viram carro temos robôs alienígenas que viram dinossauros, é bem surreal, a explicação para isso é “simples” esses “robossauros ” são os guerreiros lendários (são tipo os primeiros dos primeiros)  que foram capturados por Lokdown (um caçador de recompensas) que trabalha para pessoas muito poderosas da qual ele não cita o nome.

O que o diretor Michael Bay tem a dizer sobre as megas críticas desse novo filme, com novos personagens quase os mesmos robôs alienígenas. Pelo que eu li o diretor se pronunciou da seguinte forma aos que detestam seus filmes:

Eu não ligo. Deixe-os odiar. Eles vão continuar vendo meu filme. Acho que é bom ter esta tensão. Muito bom! Eu costumava ficar chateado, mas acho que é bom ter este diálogo. Ele me faz pensar e mantém meus pés no chão, então, tudo bem“, disse à MTV.

Ele tem razão afinal desde a estreia o filme já faturou aos montes, além de que ele sempre afirma que faz filmes por que ele se diverte e gosta do que faz e quer divertir o public, Bay também disse algo sobre esse filme ser o inicio de uma nova trilogia para os Transformers um tipo de reboot, para quem viu o filme sabe que no fim ele deu a entender que vai ficar um pouco repetitivo em relação ao próximo vilão.

Alguns dos pontos fortes do filme foram os efeitos especias, se você curte muito corra agora para o cinema. Como sempre os efeitos estão impecáveis e o 3D estão muito mais real, eu fiquei deslumbrada como a mega produção. Outra coisa é que a ação não falta nesse filme, eu amo filmes com bastante ação e coisas explodindo.

A trilha sonora também é um ponto forte, pelo menos eu gostei muito achei que se encaixou super bem, apesar da enorme falta dos atores dos filmes anteriores dessa franquia eu gostei muito dos novos atuam muito bem, eles tem sua dose de humor na medida.

Agora esse filme teve muitos pontos negativos e como foram muitos então vou listar os que eu realmente achei que deixaram a desejar.

A lacuna que os personagens antigos deixaram, olha tudo bem que mudaram os personagens, mas o que aconteceu com os antigos? O Bumblebee que antes era o carro guardião do Sam Witwicky o largou, o que aconteceu com o Sam ? Por que eles o largaram? E os outros personagens vitais do filme o que aconteceu que fim eles levaram?

Essas são perguntas básicas que eu me fiz, e creio que outras pessoas também fizeram. Quando eu li que o elenco iria mudar eu imaginei que haveria uma cena mostrando o que aconteceu com os antigos personagens, pelo menos o que houve com o Sam Witwicky já que ele era um dos principais. Mas quando fui à estreia e vi o filme achei que essa parte ficou sem pé nem cabeça. Senti muita falta das trapalhadas do Sam. Michael Bay simplesmente passou uma mega borracha neles. Assim mesmo o diretor afirmando que esse seria um reboot  e tudo mais ele tinha que fazer uma cena ou algo do tipo explicando.

Outro ponto é em relação ao possível vilão da sequencia, que eu não irei falar porque vou dar spolier. Apenas digo que a sequencia tem que ter uma história muito boa ou então vai ficar repetitivo (isso é o meu ponto de vista).

Para fechar esse post eu queria dizer que mesmo com essas e outras gafes cometidas eu gostei muito do filme e veria sim de novo. Agora falando como critica, o filme é legal, mas os erros cometidos foram bem “feios” e a retirada de algumas personagens fez a franquia perder alguns fãs.