Operacao-Big-Hero-poster

Será que estou ficando velho? Será que o mundo se acostumou a aceitar clichês e eu não? Depois do estrondoso sucesso de Frozen: Uma Aventura Congelante, a Disney nos entrega sua nova animação: Operação Big Hero, um filme com a temática super herói ao maior estilo Os Incríveis.

Não curti Frozen, minha filha adorou, e apesar de conhecer muita gente que também não gostou do filme, sei reconhecer o apelo que o filme das irmãs Elsa e Anna tem com as crianças, em especial as meninas, no entanto fiquei admirado como Operação Big Hero não causava reação alguma nas crianças e adultos que estavam na mesma sessão que a minha.

Depois de ler várias críticas positivas ao filme, fiquei surpreso ao constatar que Operação Big Hero é um filme pouco acima do mediano. Digo mais, se eu tivesse avaliando apenas o curta O Banquete que acompanha este longa, provavelmente a nota seria entre 8 e 10, pois é muito mais tocante e visualmente interessante do que o “prato principal”. Portanto se decidirem assistir Operação Big Hero após ler esse texto, não se atrase pois o melhor de tudo é esse curta.

Apesar dos protagonistas Hiro e o robô Baymax serem legais, o resto dos personagens do filme parecem só atrapalhar, inclusive o vilão. Todos são bem sem carisma e apesar de várias tentativas de piadinhas, só consegui rir com a dupla principal e mesmo assim foram risadas tímidas, o mesmo valendo para minha filha e crianças ao redor que eu passava o olho pra ver se isso não era culpa da minha “rabugentisse”.

A primeira coisa que pensei ao terminar a sessão e ver os créditos finais foi: “Esses personagens tem algum potencial para funcionar em uma série animada cujo episódio dure uns 20 minutinhos, agora 1 horas e 40 minutos é demais!”

Talvez meu senso crítico tenha se elevado demais com os maravilhosos filmes em animação que saíram nos últimos 10 anos, citando como exemplo Como Treinar Seu Dragão 1 e 2, Wall-E, Toy Story 3, Monstros S.A, Procurando o Nemo, etc, pois quando sai uma animação que é até assistível como essa, fico meio decepcionado.

Operação Big Hero tem até um bom ritmo no começo, você fica intrigado com as situações apresentadas, mas quando a coisa deveria deslanchar com os personagens se tornando super heróis, tudo fica muito previsível, se salvando apenas o visual bem colorido e brilhante da cidade San Fransokyo. A dublagem nacional do filme é bem ruim, achei que está exagerada demais, em cenas de ação é uma gritaria que não dá pra entender nada e em momentos tristes ficou tudo meio artificial, não sou especialista no assunto, mas certamente me incomodou, porque senão passaria desapercebido.

Enfim, queria ter gostado mais de Operação Big Hero, mas fazer o que, depois dos filmes citados há dois parágrafos acima, somados à clássicos como Rei Leão, Aladin, A Bela e a Fera, entre outros, fica difícil avaliar bem animações bonitinhas, mas com pouco conteúdo.

Recomendo Operação Big Hero, mas para assistir no DVD ou Blu-Ray, é legalzinho, mas nada que justifique sair de casa apenas para assistí-lo, agora se você estiver com seu filho (a) perto de um cinema e de bobeira, faz lá seu papel de paizão ou mãezona e quebra o galho da criança, pois se o filme não é incrível, também não é insuportável e na pior das hipóteses tem o curta animado pra tocar um pouco o coração dos mais velhos.


Gostou do post? Então que tal seguir o nosso Twitter e curtir a nossa página no Facebook para você continuar acompanhando todos os nossos posts sobre coisas nerds e cultura pop em geral, diariamente, em suas redes sociais.


Se você tem alguma sugestão de post, dúvidas, críticas e elogios, nos envie um e-mail para [email protected]. Queremos ouvir você, sua opinião é sempre muito importante para nós!


Você já faz parte do nosso Grupo no Facebook? Faça já parte e interaja com os redatores e outros leitores do site! Link para o grupo: https://www.facebook.com/groups/elite42

REVIEW
Operação Big Hero
6
Compartilhar
Artigo anteriorElite Podcast # 09 – Expectativas Marvel Fase 3 (Retrospectiva 2014)
Próximo artigoElite Podcast # 10 – Retrospectiva Google Trends 2014